Policiais envolvidos na morte de Genivaldo Santos são presos

A prisão ocorreu após a Justiça Federal acatar a denúncia do Ministério Público Federal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os três policiais rodoviários federais envolvidos na morte de Genivaldo Santos, 38 anos, foram presos preventivamente nesta sexta-feira, 14 de outubro. A informação foi confirmada pela Justiça Federal em Sergipe (JFSE). Os agentes estão custodiados no Presídio Militar de Sergipe.

Em nota, o JFSE informou que o magistrado titular da referida unidade judiciária, Rafael Soares Souza, proferiu decisão após representação do Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE) pela prisão dos réus e denúncia dos PRFs pelos crimes de abuso de autoridade, tortura e homicídio qualificado.

Ainda de acordo com a nota, a custódia cautelar tem o objetivo de garantir a ordem pública e instrução do processo. Os mandados de prisão foram cumpridos pela PF/SE na manhã desta sexta-feira, 14. Ainda nesta data, foram realizados o exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e a audiência de custódia, após a qual os réus seguiram para o estabelecimento prisional.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na semana passada, o Ministério Público Federal ajuizou uma ação criminal contra os três e solicitou o sigilo das investigações.

Relembre o caso

Genivaldo morreu, no dia 25 de maio deste ano, depois de ter sido trancado no porta-malas de uma viatura da PRF e submetido à inalação de gás lacrimogêneo, na BR-101 no município de Umbaúba. A certidão de óbito concedida pelo IML à família no dia seguinte à morte apontava asfixia e insuficiência respiratória.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
Goiás x Corinthians

Onde Vai Passar Goiás x Corinthians Hoje (15) | Brasileirão 2022

Next Post

Blogueira é morta a tiros no bairro Santa Maria

RELACIONADOS