STF nega recurso de Valmir de Francisquinho

Os votos eventualmente creditados em nome de Valmir serão considerados nulos.

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou na manhã deste sábado, 01 de outubro, o recurso de indeferimento de candidatura ao governo de Sergipe de Valmir de Francisquinho (PL). Com isso, o candidato continua inelegível e não pode concorrer ao cargo no executivo.

Na quinta-feira, 29 de setembro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve a inelegibilidade do candidato, determinada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE).

O TRE-SE informou que considerando que não há tempo hábil para a exclusão do candidato das urnas, os votos eventualmente creditados em nome de Valmir serão considerados nulos.

A candidatura de Francisquinho está indeferida pelo TRE com sustentação da condenação de inelegibilidade por abuso de poder político e econômico. A condenação é referente às Eleições de 2018 quando o filho de Valmir, Thalysson, foi candidato a deputado estadual.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RELACIONADOS
Anúncios